//Perfil

Meu nome é Jessica e tenho 19 anos. Nasci em Cuba, sou Angolana e vivo neste momento em Montpellier em França. Estou numa International Business School, segundo ano. Iniciei este blog em Março 2005, e tinha atingido 74 quilos! Mas a vida tem idas e voltas, altos e baixos e atingi 90 quilos em Fevereiro 2006 e disse definitivamente NUNCA MAIS

Jessica no seu blog


//Minha dieta

* pequeno almoço:

- um fruta (uma banana ou seis morangos)
- um copo de leite desnatado ou um iogurte
- duas fatias de pão pequenas
- ricota ou fiambre/presunto ou manteiga light

* lanche da manhã:

- So se tiver fome: uma lata de sumo de frutas ou uma fruta.

* almoço

- 1/3 do prato de verduras (alface, rucula, espinafre)
- 1/3 do prato de legumes (tomate, cenoura, abobrinha, feijão-verde)
- 1/3 de protéina (carne, peixe, ovo, frango, peru

* lanche da tarde:

- uma fruta ou
- um copo de leite ou
- um copo de sumo ou
- um iogurte

* jantar:

- um prato de sopa de legumes (sem batata) ou um prato de salada
- uma proteina magra

* ceia:

- So se tiver fome: uma compota de fruta

* durante o dia:

- 2 a 3 litros de agua (ou cha)
- 60 minutos de actividade fisica


//A balança

Dia

 

Peso

 

21.02.2006

28.02.2006

07.03.2006

14.03.2006

21.03.2006

28.03.2006

04.04.2006

11.04.2006

18.04.2006

25.04.2006

02.05.2006

09.05.2006

16.05.2006

89.6 quilos

86.1 quilos

84.2 quilos

83.9 quilos

82.5 quilos

82.1 quilos

81.3 quilos

80.4 quilos

79.6 quilos

79.6 quilos

78.3 quilos

77.7 quilos

77.1 quilos

//Participo

//Passado

- 01/04/2007 a 07/04/2007
- 10/09/2006 a 16/09/2006
- 27/08/2006 a 02/09/2006
- 20/08/2006 a 26/08/2006
- 13/08/2006 a 19/08/2006
- 06/08/2006 a 12/08/2006
- 30/07/2006 a 05/08/2006
- 23/07/2006 a 29/07/2006
- 09/07/2006 a 15/07/2006
- 02/07/2006 a 08/07/2006
- 25/06/2006 a 01/07/2006
- 18/06/2006 a 24/06/2006
- 11/06/2006 a 17/06/2006
- 04/06/2006 a 10/06/2006
- 28/05/2006 a 03/06/2006
- 21/05/2006 a 27/05/2006
- 14/05/2006 a 20/05/2006
- 07/05/2006 a 13/05/2006
- 30/04/2006 a 06/05/2006
- 23/04/2006 a 29/04/2006
- 16/04/2006 a 22/04/2006
- 09/04/2006 a 15/04/2006
- 02/04/2006 a 08/04/2006
- 26/03/2006 a 01/04/2006
- 19/03/2006 a 25/03/2006
- 12/03/2006 a 18/03/2006
- 05/03/2006 a 11/03/2006
- 26/02/2006 a 04/03/2006
- 19/02/2006 a 25/02/2006

//Votação

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


//Visitantes





//Créditos

Layout feito por: Bibi

Imagens - montagem feita por: Jéssica


//Links pessoais

- MINHAS FOTOS
- MEU GRUPO DE DIETA

//Blogs sobre Maternidade e afins

- Ana
- Ana Luisa
- Rita Santos

//Blogs Amigos / Familia

- Jo Ann
- PeruMenor e Nocas

//Antes & Depois (89 vs 79)

 

//Minhas medidas

Altura = 179cm

17/04

29/04

Menos

Peso (em kg)

79.6

78.9

- 0,7

Peito

95

93

- 2,0

Cintura

82

78

- 4,0

Quadril

106

105

- 1,0

Anca

96

91

- 5,0

Coxa

?

67

?

Joelho

45

45

****

//Blogs LIGHT Queridos

- Bibi
- Caralinda
- Jaque
- Laurita
- Luana
- Marilinha
- Priscila C
- Sonia
- Electra
- Déia
- Cookie
- Cris C.O.
- Camila
- Anelli

//Blogs sobre tudo e nada

- André Rodrigues
- Andreia II
- Raquel

//Blogs Light PORTUGAL

- Alda/Framboesa
- Amlm
- Ana
- Ana Patricia
- Anak
- Aninha
- Annie Armas
- Aud
- Biologica
- Cacau
- Calita
- Cat
- Caticosta
- Claudia
- Dani
- Elena e Sonia
- Eloisa
- Gio
- Gordinha5
- Joana
- Joana Mendes
- Jojozinha
- Jorge
- Katia Margarida
- Kika
- Loira
- Luazzinha
- Luna
- Maria
- Morgana
- Paulinha
- Patusca
- Rumi
- Sol
- Sonia
- Starsea
- Suzana
- Xuxu

//Blogs Light BRASIL

- Adri Joia
- Ady
- Amigona
- Andréia
- Andréa H.
- Andressa
- Annediet
- Avassaladora
- Amapola
- Amanda
- Andréa S.
- Alexia
- Ana
- Ale
- Amelinha
- Ana Carolina
- Andrea
- Annette Delgado
- Ana (Curitiba)
- Barbara
- Beth
- Camila
- Carolzinha
- Camila
- Chris
- Claudia Arantes
- Cintia
- Cacau
- Cathy
- Carlinha
- Cintia
- Cida
- Cris
- Cris
- Diva
- Drikka
- Denise
- Drica
- Eli
- Eliete
- Elisabete
- Eliza
- Ellen Daiane
- Ellen Vanessa
- Erik@
- Ester
- Elizabety
- Fabi (Brasil)
- Fernanda
- Fernanda W
- Flavia
- Flavinha
- Genny
- Gizela
- Goreti
- Grazielle
- Katia
- Ivy
- Jaqueline
- Jadna
- Jessy Oliveira
- Kamilla
- Karina
- Kell
- Lara
- Léo Paixão
- Luciana Lima
- Luoka
- Lidi
- Lady Lycosa
- Laura
- Lilli Marlene
- Lynda
- Lala
- Laine
- Lydiane
- Lisa
- Lu Francesa
- Luciana Alemanha
- Magda
- Mariana (Japão)
- Mônica
- Mariana
- Marilu
- Morena
- Moni
- Milady
- Maitê
- Mah
- Mimi
- Monique
- Monique
- Miranda
- Melly
- Marcia
- Ninimagra
- Nanda
- Paty
- Priscila
- Renata
- Rose
- Regina
- Rosi
-
-
- Rosangela
- Simone
-
- Sandra
- Sabrynna
- Suellen Joyce
- Soraya
- Suelen Spina
- Suzana
- Samira
- Sula
- Sonhadora
- Thuca
- Vivi II
- Valquiria/Embu das Artes
- Vanda
- Viviane
- Vanessa
- Vivi
- Yolanda















Estou em...

... http://souvaidosa.blogspot.com

Beijos!



- Postado por: Jessica da França às 23h18
* * envie esta mensagem



Mais fotos da COPA ( e viva ANGOLA!)

  

- Postado por: Jessica da França às 23h16
* envie esta mensagem



Fui a copa...

Viram o jogo ANGOLA MEXICO??

Eu estava la na Alemanha, com minha melhor amiga e os nossos seguranças!

Beijokas

Elite

PS: volto em breve!



- Postado por: Jessica da França às 14h40
* envie esta mensagem



 

Memórias aos ventos.. o que seria? Será livros empoeirados na estante e envelhecido pelo tempo? Discos que  já não sabemos o refrão? Revistas desbotadas que perderam a cor?

Memórias do Tempo...que tempo seria? Tempo de ser criança? Tempo de contar histórias ?

Tempo sempre tempo...

A cada dia aprendemos, crescemos e entendemos que a nossa vida é uma memória,é um livro empoeirado,um disco que  sem refrão, é sempre tempo de contar histórias...

O tempo nos faz conhecer novos amigos, aprender a respeita-los e a valoriza-los como se fosse únicos, e no fundo são únicos sim.

Falar de um amigo verdadeiro é como falar de um filho ou de nós mesmas, porque você é um pedaço de mim, um pouco filha, um pouco irmã mais nova e muito amiga.

Te reencontrar nessa vida foi um presente...Cada dia me surpreendo com uma menina gigante de alma imensa, de sentimentos intensos de verdades puras.

Menina Linda,menina sábia menina diva, diva mulher!

Quem Te conhece se apaixona e que não a conhece de verdade te respeita, menina imponente, questionadora ávida de conhecimentos,prática e chorona...

Lágrimas ao vento...o que seria? Choro de vontade de vencer? Vencer mais ser feliz?

Lágrimas da felicidade de existir?nunca são apenas lágrimas...

Memórias são conhecimentos, arquivados em existências, são memórias são nossas...

São nossos livros empoeirados...nas minhas estão arquivados os sorrisos, os ensinados, as lágrimas as doces palavras que recebi de você, que conseguia me ensinar apenas sorrindo pra mim!

Memórias Do Tempo...é tempo de traçar novas metas,a menina gigante deixa pra trás mais memórias, mais histórias e arquiva mais livros na estante,chegou a hora de desbravar  novas

Terras, nova vida, novas memórias...é Jéssica de Angola, da Alemanha, da França, do Brasil...

Que Portugal te receba e te cuide...que suas novas memórias sejam escritas como um soneto doce,Que suas novas linhas sejam felizes.

Novas memórias...Final conhecido, o que seria? Uma novela? É a novela da sua vida a menina que está conquistando o mundo, que faz as mais grandiosas coisas da vida ficarem mínimas

Diante de sua vontade de vencer, mais as novas memórias com final conhecido nada mais é que

Mais uma vitória sua , uma vitória certa porque você faz acontecer...

Memórias de uma diva...Você é minha heroína preferida,sua arma? Seu coração, sua persistência e seu caráter é diva heroína estás conquistando o mundo...

Memórias  de uma Diva em evolução, o que seria?Do que estou falando? De você é claro

Amiga gigante, amiga menina, amiga amiga e amiga para tantas existências,não vais sentir medo,frio porque estarei contigo em pensamentos sempre onde estiver em minhas orações eu vou pedir a Deus que ilumine os passos teus!

Memórias Iluminadas...você tem a luz que ilumina os nossos caminhos é essa luz que refletira todo o Porto, que te trará paz e é com ela que ficaras essa luz se chama Deus e ele estará sempre com vc!

Seja forte, seja capaz seja você e seja feliz..aqui fica sua amiga incondicional te aplaudindo e esperando o dia de vê-la conquistar o mundo...

 Até logo minha Diva...Mémorias de anelli sena



- Postado por: Jessica da França às 23h10
* * envie esta mensagem



Ontem foi o aniversario da minha irmã!

Sai de casa pelas 15h para ir comprar bolo para esta menina. Não sabia o que escolher então levei torta de limão e um strawberry cheesecake :) - leia-se "fraisier" ao contrario, em francês.

medium_DSCN0870.JPG

Cheguei pelas 17h à casa dela depois de grande luta (marcha e bus e escadas).

medium_DSCN0867.JPG

E rimos muito... E não havia champagne...

medium_DSCN0886.JPG

Mas o espirito Angolano estava la... (sim, sistema D com as velas, so podemos ser mesmo Angolanas...)

medium_DSCN0883.JPG

E o sorriso também!

medium_DSCN0882.JPG

E o livro da mana, claro, fez parte das comemorações :)

medium_DSCN0889.JPG



- Postado por: Jessica da França às 10h39
* * envie esta mensagem



Depois de ver o jogo ANGOLA - PORTUGAL....

Quem me dera ser Angolana...

…como o é o Angolano.
Feliz, alegre, cheio de esperança. O jogo de hoje a noite demonstrou-me tanta coisa. Pela milésima vez, vou aqui dizer que chorei. Chorei ao ouvir o hino, chorei ao ouvir tantas vozes a cantarem num coro só, chorei de ver que até Portugueses estavam cantando connosco. A nossa equipa não tem nem de perto nem de longe os meios financeiros das outras equipas, sobretudo as grandes europeias, os nossos jogadores, em geral, não fazem parte de Real Madrid’s e Lazio’s… São jogadores que jogam em Angola em equipas sem renome mundial ou que jogam em equipas de divisão de honra ou mesmo da segunda em Portugal. Sofremos como não é permitido a um ser humano de sofrer, durante 41 anos tivemos a guerra em casa, todos nós perdemos família, e somos tão ricos, pessoas tão cheias de esperança, e é isso que nos move. Sinceramente e seguramente. Dói-me de ver que a pessoa que eu sou hoje sofre de depressão, coisa que não existe na minha terra. Sofre-se de doença, de fome, de uma mutilação, de mágoa, da dor de uma perda. Mas agora chorar porque se tem tudo e isso nos frustra? Que brincadeira é essa?

Quem me dera ser angolana…
… mas não quero imaginar o sacrifício financeiro que muitos angolanos fizeram para ver este jogo ao vivo e a cores, num país no qual não sabem movimentar-se. Deutschland…

Quem me dera ser angolana…
…. Para ter resposta a esta pergunta: o que nos move? A esperança. Que nunca morre. Nunca.

Tenho saudades de ser Angolana assim (se algum dia eu fui) tenho saudades de ter fé no dia a seguir se alguma vez a tive. Tenho tudo (ou quase) que uma pessoa pode desejar, e não sou feliz, não consigo ser. Minha amiga Anelli chama-me de Diva. E eu insisto com ela a dizer que estou longe disso. Em conversa com ela, eu disse “Anelli, eu não faço nada que mude o mundo diariamente, cometo erros, choro…” e ela replicou “e que Diva não chora? E que pessoa não está em crescimento espiritual constante? E quem não comete erros?”.

Quem me dera ser Angolana…

…Para saber o que é ser uma diva…

Uma mulher que acorda todos os dias às 4h30 para ir cartar agua com os seus filhos pequenos, porque as canalizações e as torneiras que “o branco” deixou já não estão em uso desde 1975.
Uma mulher que se esconde na mata durante os confrontos com todos os seus filhos e que se vê na obrigação de matar o seu bebé que chora para que as tropas inimigas não descubram a sua família no meio das arvores.
Uma mulher que como a minha mãe acorda todos os dias e não vê as filhas em casa porque estão a 7000 quilómetros a estudar por um futuro melhor.
Uma mulher que não sabe o que é electricidade em casa, que manuseia à perfeição as lâmpadas a petróleo, que já tem os dedos calejados e queimados de tanto fazer isso.
Uma mulher que já não tem perna e que consegue alimentar os seus filhos…
Uma mulher que vai à maternidade ter o seu filho, na esperança que não morra como os anteriores, que não tem maca nem cama para se deitar, que não tem amigos para ajudar, que vai dar a luz de pé num canto, que será cortada com uma lamina suja e que sabe que haverá de voltar para o ano…

Tudo vai dar ao mesmo, Diva = mulher sacrificada pelos filhos. Pouco importa a maneira. Nos jornais económicos, dizem que a economia angolana está nas mãos das mulheres. Não preciso de jornais para ver isso. Nas praças, quem está lá? Quem são as kingilas? Quem é “a” origem?

Sinto que já estou meio a divagar, começo a falar de ser angolana e chego a noção de Diva. Mas… na volta, não estou assim tão longe. Não é de todo a minha pretensão de ser Diva, mas se eu pudesse apenas ser mais angolana…

Como se a mulher angolana se importasse realmente de ter esses apelidos… ela apenas quer saúde, educação, ter trabalho, ser RESPEITADA (e para isso ainda falta tanto!).

Quem me dera ser angolana…
… mas já comecei mal esta história. Não nasci em Angola (no Jovens de Angola, isso já mereceu debate…), mas em Cuba, o meu nome não é Angolano mas Alemão, sempre falei mais em francês do que em Português, sempre estudei em escolas e liceus franceses, dos 19 anos de vida, vivi somente 11 em terras mwangolés. Quando eu morava lá, detestava aquilo, achava “démodé” e “brega”. Hoje, lamento informar, por mais que queira, não sei se sou capaz de ir para lá morar. Porque já tenho os meus “vícios”, outra maneira de ser e de ver as coisas. O ideal para mim seria de viver por e para Angola, ir lá com frequência sem ter de la morar intramuros (graças a Deus, mãe não lê meu blog :) )
Não é feio e horrível o que eu estou a dizer? Não é antipatriótico? No fundo, acho que é, mas já não me posso mentir. E as coisas ainda podem mudar.

Quem me dera ser angolana…
… e sentir na pele este orgulho imenso que sinto de gritar este hino (hei, confesso que também cantei o Português!), de ouvir que se fala de Angola sem ser pela guerra, de ver 23 homens (ou isso) que levam ao mais alto as cores do meu pais. Preto da nossa terra queima, vermelho pelo nosso sangue derramado e o amarelo da cor dos nossos utensílios, das nossas armas.
Quem me dera ser angolana…
…. E ser mais forte para com as situações com as quais me deparo todos os dias, de pessoas que me magoam (deliberadamente ou sem querer), de coisas que eu não compreendo, de atitudes que eu não entendo, de frases que eu não escrevo.

Quem me dera ser angolana…
…. E ser mais feliz, viver cada dia intensamente, como se fosse o ultimo, de ter problemas e de não me queixar, de estar sempre bem-humorada, sorriso nos lábios e bola para a frente (que atrás vem gente).

Quem me dera ser angolana…

…. E que orgulho de o ser para sempre!...
.... a não ser que case e que fique com dupla nacionalidade :p mas nunca serei Angolana POR METADE :)


- Postado por: Jessica da França às 02h53
* * envie esta mensagem